Em Forma

Praticar pilates

Por  | 

A prática de pilates visa o controlo dos músculos, construir força corporal, aumentar a flexibilidade e promover o controlo do corpo e da mente. Esta técnica foi desenvolvida por Joseph Pilates na década de 1920 e tem recentemente adquirido muita fama, havendo cada vez mais pessoas a pratica-lo.

As tensões dinâmicas ajudam a fortalecer os músculos enquanto que os alongamentos visam a flexibilidade, ajudando a criar uma liberdade de movimentos bastante única. Todos os movimentos de pilates devem ser realizados em completa concentração, devendo o praticante concentrar-se na posição correcta do corpo e prestar atenção às tensões que vai sentindo no corpo. Esta concentração mental em cada músculo ajuda a evitar lesões musculares e aumenta a efectividade do exercício. Os movimentos de pilates devem ser feitos de forma lenta para que todos os músculos sejam explorados da forma certa definida em cada exercício.

Os movimentos de pilates visam várias áreas do corpo. Existem exercícios que se centram no aquecimento do corpo e no controlo da respiração, preparando o praticante para exercícios mais complexos. Outros concentram-se em zonas mais específicas, como a zona abdominal ou as coxas. No entanto, a larga maioria dos exercícios de pilates visam trabalhar vários músculos em simultâneo, sendo esse um dos seus atractivos.

Apesar da sua versatilidade e benefícios, o pilates tem algumas limitações, pois não é um programa de treino físico completo. Como é uma actividade lenta e feita com calma e para relaxar, não oferece as vantagens para o sistema cardiovascular que oferece por um exemplo um programa de aeróbica. Os praticantes de pilates devem por isso combinar esta actividade com um programa de exercícios aeróbicos para o seu sistema cardiovascular. Ou seja, o pilates deve ser visto como um complemente a outras actividades físicas. Note também que o pilates ajuda a fortalecer os músculos mas não os desenvolve, pelo que não é indicado por adquirir massa muscular.

Antes de iniciar a prática, aconselhe-se com o seu médico, pois esta actividade é algo exigente nos ossos, por isso aconselhe-se sobre que exercícios serão desaconselhados para si para evitar problemas futuros.

Uma grande desvantagem do pilates é que não existe um corpo regulador sobre esta actividade, pelo que em muitos ginásios existem instrutores que não estão devidamente qualificados. Antes de se inscrever numa aula, procure pelas qualificações do professor.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *