Tem 50 anos? Siga estas dicas para uma pele resplandecente

pele resplandecente
Tal como o metabolismo, à medida que os anos passam, as células cutâneas diminuem, o que influencia a velocidade de síntese do colagénio, também a firmeza e elasticidade da pele são consideravelmente afetadas.
Neste sentido, a partir dos 50 anos, as mulheres começam a experimentar alterações hormonais, que estão ligadas à pele, à medida que esta começa a secar, flacidez, rugas ou manchas.
Portanto, para abrandar tudo isto tanto quanto possível, é necessário seguir estas dicas simples.

Aplicar um antioxidante de manhã

A maior percentagem de envelhecimento da pele deve-se à exposição (fatores externos e internos, sendo os principais o “stress”, dieta, falta de sono, poluição, radiação UV e tabagismo).
Assim, para abrandar a ação dos radicais livres, devem ser utilizados antioxidantes como a vitamina E, ácido ferúlico, niacinamida, vitamina C e melatonina.
Os antioxidantes impedem a produção de radicais livres e evitam danos, além de terem uma ação anti-inflamatória e aumentar a síntese de colagénio.

Personalize a sua rotina

Cada pele é única, por isso é preciso dar-lhe o que ela precisa. Todas envelhecemos de forma diferente (presença de rugas, manchas, perda de hidratação, poros dilatados, flacidez e olheiras sob os olhos).
É por isso que um ritual personalizado ajuda-o a ter uma aparência saudável, independentemente da sua idade. Além disso, deve ser adaptado às mudanças na pele.

Efetuar uma limpeza profunda semanal

É aconselhável dedicar um cuidado de pele mais profundo pelo menos 1 ou 2 noites por semana. Isto fará uma grande diferença para a pele, pois evitará a desidratação, manchas e rugas.
Por isso é importante escolher produtos amigos da pele, tais como esfoliantes, cascas, máscaras, massagens, etc.

Minimizar a ingestão de açúcar

Uma dieta equilibrada com frutas, legumes, legumes, cereais e peixe é essencial para manter uma pele saudável. É também necessário limitar a ingestão de certos alimentos, tais como gorduras saturadas e açúcar, de modo a retardar o envelhecimento cutâneo. Estudos mostram que estes alimentos causam glicação, uma reação química que acelera o envelhecimento, promove a perda de colagénio e elastina, bem como a inflamação.
Lembre-se que a chave do sucesso está em ser consistente e mimar a sua pele para a manter com um aspeto radiante e saudável.

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.