Saude

Quantos dias pode a menstruação atrasar?

Por  | 

O termo clínico para um atraso na menstruação anormal é amenorreia e existem diversas razões que a podem causar. A solução pode ser simples e passar por tratamentos caseiros que eliminem as causas, ou mais grave sendo necessário recorrer a um médico.

O que pode causar um atraso na menstruação?

O primeiro pensamento de cada mulher sexualmente activa que passa por um atraso na menstruação é obviamente a gravidez, e por razões óbvias deve ser a primeira hipótese a ser descartada.

No entanto, outros factores como o stresse, certos medicamentos ou suplementos, nutrição inadequada ou excesso de exercício podem também ser a causa de um atraso na menstruação. Dependendo do seu estilo de vida, poderá à partida desconfiar de um destes factores, devendo nesse caso procurar eliminar a causa e esperar que o seu ciclo menstrual regresse à normalidade. No caso de medicamentos ou suplementos nutricionais, poderá consultar o folheto informativo ou o seu farmacêutico, que deverão conseguir esclarecer as suas dúvidas. Algumas ervas medicinais também são conhecidas por ajudar o corpo a relaxar e uma melhoria na alimentação conseguirá ajudar o corpo a equilibrar-se em termos nutricionais.

Nestes casos é normal que os processos naturais do corpo se encarreguem de fazer tudo voltar à normalidade, não sendo incomum a mulher saltar um ciclo menstrual por completo. Se tal não for acompanhado de nenhum outro sintoma, não existe necessidade de entrar em pânico. Tente relaxar e o seu corpo fará o seu trabalho.

Quando deve consultar um médico?

Se a menstruação estiver atrasada mais de 2 meses, então este fenómeno passa a designar-se por amenorreia e passa a ser uma condição clínica que muito dificilmente passará sem acompanhamento médico.

As causas da amenorreia podem ser variadas e incluem má nutrição, desordens alimentares (mais comum em raparigas adolescentes), peso fora do normal, quer a mulher seja muito magra ou obesa, e doenças como diabetes, deficiência tiróide, depressão ou ausência de ovulação. Casos mais graves podem ser causados por ovários policísticos, produção hormonal deficiente e por vezes até tumores.

É necessário consultar um médico e realizar vários testes e exames para determinar a causa exacta, mas é de extrema importância explicar a um médico a sua situação caso o atraso da menstruação ultrapasse os 2 meses.

Das possíveis causas referidas anteriormente, desequilíbrios hormonais e doença ovariana policística são as causas mais comuns em mulheres que se aproximam da menopausa, sendo que testes hormonais e ultra-sons são usados para obter uma resposta concreta.

O seu ginecologista deverá, com os resultados dos exames, ser capaz de realizar o acompanhamento necessário para que o atraso na menstruação não se agrave e possa prejudicar a sua saúde global.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a utilização de cookies. Saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close